Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2012

Música pra passar...

Preciso de muita música pra não ouvir o tempo passar.
Roleta russa, o que tem pra mim?
Olha só se não é aquela música de tanto tempo atrás
Daquele tempo que a gente morria de rir todas as manhãs
quando fazia piadas sem sentido
Mas tal qual como a música essa fase também passou
E o rádio da vida muda a batida, a letra e os vocais
O D2 diz que busca a batida perfeita
O Lucas que queria uma música pra acabar com o silêncio
Eu não quero nada disso
Quero que elas continuem, assim, carregadas de lembranças
e como diz meu "Eterno" que sirvam como uma maquina do tempo
Que tenham timbres de sorrisos
Solos de tristeza
E o ritmo de nossas almas
Que toquem o infinito de nossos dias
E que dancemos como se fosse aquela a última sinfonia


Desculpas

Queria te pedir desculpas
desculpas por meu coração insistir tanto em ter você... Ele é tolo e não entende o exterior
Queria te pedir também pra que perdoe minha boca  que tanto pronuncia teu nome  Ela não sabe o que diz
E aproveito para me desculpar por meus pensamentos  que em tempo integral são seus, porque eu só penso em você Eles são involuntários, respondem apenas o que o coração sente
Ah, desculpe também por meu corpo  que deseja o teu como a única roupa capaz de aliviar o frio 
Desculpe por meus olhos  que mesmo sem te ver só se abrem pra te buscar Desculpe por meus pés  que insistem em me levar até você Desculpe meus braços  que só se abrem para o teu abraço 
E desculpe á mim  por não ter controle mais sobre meus instintos, sentimentos e movimentos.  por manter viva uma esperança de que o amanhã você pode estar aqui 





Respirar

Ah! Essa dor que cala a voz
sufoca o peito
Esse desespero que banha a noite
desperta o dia
Fico aqui em fragmentos
que restaram de ti em mim
suspiro teu nome
respiro memórias
Não há mais lugar onde ficar
Nem palavras pra declarar
Só existe um você perdido em mim

E em você, estaria eu também perdida?
Pois já não estou a me sorrir
Talvez me pense quando esquece
Sente-se bem
Sinto-me sem

Quando acaba o que não começa

Eu sabia que estava entrando num caminho sem volta. Tinha absoluta certeza de que aquele nervosismo todo que senti antes de tocar sua campainha significava que eu já me importava demais. Eu não sabia o que fazer ou o que dizer e eu ficava imaginando e ensaiando possíveis conversas que obviamente não aconteceram... Me tremia por dentro, por fora e tinha as pernas bambas, meu olhar que se perdia em qualquer objeto na tentativa de em poucos minutos me desprender de estar ali, sentada, aguardando por você. Vi teus livros, instrumentos, e sabia que se tentasse falar alguma coisa eu ia gaguejar.

Mas você foi doce, me pôs em pé, me abraçou e sem dizer nada disse que estava tudo bem, que ia ficar tudo bem... eu se quer consegui olhar em teus olhos de tanto medo que sentia em sentir o que estava sentindo. E você me acalmou com um silêncio que eu buscava há anos encontrar nos braços de alguém. Era eu a garota assustada e frágil que não sabia como agir e foi você o que estendeu os braços e se fe…

Cama quente

Esse vazio tão cheio de lembranças me faz esquecer quem eu fui...


Já era noite quando chegara
e se ajeitou em nossa cama
abracei-lhe com pernas
e repousei a cabeça no teu peito

Me ergueu o rosto afim de que tocássemos os lábios
Tuas mãos me percorriam como se não houvesse amanhã
Jogou teu peso sobre meu corpo
e me invadiu sem pedir licença

Desvendou-me em desejos infinitos
Fixou seu olhar no meu
Almejávamos a eternidade extasiados pelo momento
E saboreamos a ardência de nossos corpos

Mas são essas as lembranças do que nunca aconteceu...

Já era noite quando chorava
a tua ausência em minha cama
e não havia quem abraçar
e não havia com quem sonhar







vontade de você

Não é o fato de sentir saudade, é estar com aquela sensação de que nada vai fazer passar o que to sentindo por você. Já se passou tanto tempo... eu nem te vejo mais e mesmo assim é como se você dormisse e acordasse todo dia ao meu lado. Não deixo, um único dia, de lembrar dos nossos momentos juntos e imaginar tantos outros que não vivemos.

E o mais estranho... a gente nem esteve, assim, tão juntos e é isso que me enfurece. Como posso estar tão envolvida por alguém que eu nem sei ao certo quem é? Alguém que tem tantas coisas pra me contar, tantas manias feias que eu não iria suportar, tantos sonhos diferentes dos meus e milhões de outras coisas que o tempo mostraria.

Eu não consigo entender porque estou assim, sentindo essa ausência sufocante de você, te querendo dia após dia como se ontem tivesse sido nosso último encontro. O tempo passa, mas não ameniza... E ai vem aquele turbilhão de pensamentos e me culpo, me consolo, me entrego e novamente cometo um erro. Busco em outro alguém ess…

Navegar é preciso?

Se fores aquele forasteiro de voz macia
Vem e me navega!
Se não partires na manhã de alegria
Vem e me faz morada!

Se fores quem chega de madrugada
Vem e me acorda!
Mas se não tens certezas
Por favor, se quer abra a porta

Não quero o sabor da saudade nos lábios
Nem o perfume da solidão no ar
Quero sonhos de algodão
Alegrias no inverno e um amor além do verão

Ah! Mas se fores minha perdição
Vem e me possua!
Seja quem me mostra um novo mundo
Vem, me navega, me acorda... Me possua

Todo mundo já foi criança

E todo mundo já teve a época do "eu era feliz e não sabia" mas tem um monte de gente que esquece como era simples sorrir. As pessoas exigem demais por um sorriso que nem custa nada...

Gente grande devia exigir mais dos políticos, dos médicos, professores e tantos outros serviços que por ai que vivem fazendo elas passarem nervoso. Agora do sorriso não deviam exigir nada, somente que ele cumpra o papel de alegrar quem o dá e quem o recebe.

11- Sempre deixo as coisas no ar ... :)

Recebi o título dessa postagem como um comentário anônimo da publicação "10 verdades sobre mim", gostaria muito de saber quem escreveu isso, tudo que não precisa ser um gênio para chegar a essa conclusão sobre mim, mas me faria bem saber quem... Principalmente quando se espera que um certo alguém leia cada uma de tais palavras.
Fiz uma breve leitura das minhas últimas postagem e não há nelas nada de muito subjetivo, fui bem clara e direta, desde que quem leia seja o destinatário de meus dizeres. Obviamente que, quando não, o leitor deve-se confundir e não saber, exatamente, de quem falo, mas aos que me conhecem um pouco, sabem à quem e porque minhas confissões. 
Eu realmente me inspiro em pessoas e situação para postar aqui e, se de alguma forma, para alguns eu tenho deixado as coisas no ar é sinal de que tenho feito exatamente o que sempre quis. Confesso, desabafo e não exponho o outro lado, afinal, a dor ou a alegria tem que ser somente minha. 
Mas agradeço a 11ª verdade s…

10 verdades sobre mim

1 - Todo mundo me chama de Japa, mas não tenho descendência oriental
2 - Tudo o que escrevo é direcionado para alguém
3 - Sempre crio mais expectativas do que deveria
4 - Sou atéia
5 - Quero ser entrevistada pelo Jô
6 - Só esqueço de um paixão quando encontro outra
7 - Eu quero me casar
8 - As vezes falo que não faria quando na verdade tenho vontade de fazer
9 - Tenho ciumes até da minha sombra, mas o ignoro
10 - Sim, eu gosto de verdade dele, que pode ser você se estiver lendo isso agora.


O que mudou

Naquele dia eu não imaginava que encontraria mais a noite a pessoa que faria meus dizeres se enrolarem. Mas eu o conheci. Assim que ele chegou fez meu olhos brilharem e eu o quis de uma forma que todo o resto do mundo parecia não existir mais. Fomos apresentados e ele disse aquele conjunto de palavras que a gente escuta, mas não entende e só concorda. Eu tinha sido enfeitiçada, aqueles segundos que nos olhamos me pareceu uma eternidade, sentia como se flutuasse, naquele momento eu havia encontrado minha paz.

A gente se esbarrava, se olhava e o silêncio nos cercava.

Chegou a hora que eu tinha que encarrar e enterrar de vez o meu tormento e, mesmo somente hoje entendendo isso, eu só consegui fazer porque aquele sorriso me encorajou a ir em frente.

As horas se passaram e lá estávamos sentados ao luar e começamos a descobrir quem eramos, o que fazíamos e do que gostávamos. Era tudo igual... E foi já nessa hora que ele me marcou - uma cicatriz verdadeira que resiste a longos dois meses - m…

Feliz Parabéns

A gente se falou, mas se falou tanto que um dia as palavras acabaram
Ai ficou silêncio, ai ficamos mudas...
Nesse momento eu descobri que a vida havia me dado mais uma amiga, pois só quando o silêncio te conforta é que você sabe que esta segura.

Ela era princesinha, cheia de mimos e manhas e hoje tá mudando jeitos e conceitos.

Ela foi irmã, mãe, amiga. Foi filha, prima, colega.

A gente não briga, simplesmente se respeita, mas não deixa de dar uns puxões de orelha.

Ela me melhorou, eu a piorei. E se eu vacilo ela me supera, rs.

Amiga de bar, balada, mas é amiga de vida, de dia a dia, de contos, sonhos e frustrações. De conquistas, de alegrias, de tudo.

"Tem gente por ai que diz que amigos a gente leva pra sempre, que são eles que nos salvam, que ficam sempre do nosso lado. Pra mim amigo é outra coisa. Amigo é quem sabe o que você tem mesmo quando tá longe, é quem entende quando teu sorriso tá cheio de tristeza, é quem te acalma pelo simples fato de existir.
Annezinha, minha flor!…

36 dias após você

A hora de ser feliz começa agora
36 dias após você...
o mais difícil dos dizeres
Ele é cheio de dores e mil amores
de cicatrizes abertas e marcas coloridas.
Um pequeno príncipe, estrelas e planetas
Um "A" de quem é se torna eterno
Um "L" de quem se torna o mestre
Uma frase que me disse tudo
e uma outra que me fala o agora!
"é só o começo..."
De novos sonhos e esplendores
Esperança renovada, respirar novamente
Lembrar, sorrir ao lembrar...
Das histórias mais bonitas e das que dão saudade
Outros poemas, outras poesias
Novos cantos e melodias
É chegada a hora da partida
Encontrar no peito o que restou do tal amor
E enfrentar o medo de sentir dor
A hora de dizer sem medo ou segredo
o que sente, o que quer, o que me vier a mente.
36 dias após...
36 longos e eternos dias após você
Você que se quer chegou, não sei nem se passou
Me fez dizer que mesmo sem lhe conhecer
Eu já posso voltar a viver.
8 linhas para o fim...
E ainda não coube tudo
Penso, as vezes, que j…

Mesmo lugar

Ta difícil demais seguir
Ta doendo demais mentir
Mentir que superei
Mentir que te esquecereiLevar os dias com sorrisos falsos...Quero te sorrir meus sonhos
Quero te dizer te amo
Quero te querer sem medo
Quero não mais viver de anseios Levar os dias com a leveza da tua vindaQue eu cante outras melodias
Escreva novas poesias
Mas que faça algum sentido o passar dos dias

the last song

Você tocava meu rosto
dizia que podia me acostumar
Eu acreditei que estaria segura

Você ainda consegue se lembrar do nosso último encontro?
Das tuas mãos perdidas em meus cabelos?
Do café quente no fim da tarde?

Diga que o céu aquele dia não era azul e eu acreditarei que foi tudo um sonho
Diga que naquela tarde quente teu coração não batia e eu acreditarei que foi tudo um sonho

Você ainda consegue se lembrar do nosso último encontro?

Eu te ouvi cantar minhas melodias
e nesse momento o mundo parou de girar
toda minha atenção era sua
toda minha vida era teu abraço

E agora os dias quentes não aquecem meu coração
as tardes de sol não secam minhas lagrimas
e mesmo o brilho da lua eu vejo cinza

Muda

"A gente se cala
por medo, por se importar
Se importar com o que vão pensar
Ai o tempo passa...
Vem sol, lua, vento e chuva
insônia e drama.
E quando passa vem a dúvida
"O que teria acontecido?"
Chega de se manter em silêncio!"

E se te chamarem de louca, alguma vez você disse que era normal?

A gente se fecha, se isola e fica mudo. Tudo para não dizer um "oi, estou gostando de você", afinal dizer que se gosta de alguém é como que se deixar ser alvo de um atirador de elite, parece que a partir do momento que você diz gostar de alguém esse alguém vai virar nosso inimigo e então nos calamos. Deixamos passar.

Deveria ser simples se declarar, não deveria existir esse abismo de insegurança, esse sentimento que faz as palavras emudecerem e só serem ditas pro travesseiro. Sem falar sobre o tempo, quem ditou a regra de que existe um tempo exato para que possamos gostar de alguém?

Você sai com uma pessoa e dias depois sente seu coração quase saltar pela boca ao ouvir a voz …

5 sentidos

Me embriaga com o sabor doce da tua lingua
consome meus gemidos nessa noite quente.
Torce, retorce e amassa a minha pele com tuas mãos faceiras
prende-me o punho e sussurra em meu ouvidos: "minha".

Levanta-me, eleva meu corpo nas alturas
envolve meu pescoço com teus braços.
Puxe, aproxime-se e repita novamente
quero me exaustar com teus movimentos.

Deixe que pernas, braços e troncos se unam
formem curvas e qualquer outra forma
E quando fores o momento do nosso ápice, beije-me
beije-me e sinta a leveza de nossos corpos.

Deite-me e sonhe ao meu lado nessa noite
acorde e me procure com tuas mãos.
Estarei lá, no toque de seus dedos
sorrindo a manhã mais bela de nossas vidas




Alegria vencida

"Não sei ao certo o que realmente sei
sei apenas que o que sei não é suficiente pra te fazer voltar"

Eu daria o mundo pra entender tudo isso...

Mais um dia, mais uma hora, mais um momento e todas as lembranças continuam intactas


Me serve mais uma dose
Me permite sonhar diferente hoje
Me faz sentir, só nessa noite
Faz sentir a paz do teu abraço

Me deixa mergulhar no abismo de teus olhos
Me devora a alma com teu canto
Me toca as melodias do meu corpo
Quero ouvir o bater d dentro do teu peito

Me leva pro infinto dos teus dias

Me serve mais uma dose
Me entorpece nem que seja com mentiras
Me afasta desse pranto
O sol se esconde enquanto ando

Me afoga com teu riso
Me consome a tristeza
Me devolve a esperança
Sinto tanto a tua partida

Me traz de volta quem eu deixei de ser

Mentira!

Eu cansei de ter teu rosto na memória, o som do teu sorriso de lembrança e esse amor estranho que cresce no peito. Canse de te pensar, de te sentir aqui dentro e mais, cansei de te amar. Eu quero sair, passear, respirar e sorrir. Sorrir simplesmente por sorrir.

Quero caminhar, contemplar o sol, o som dos pássaros nas arvores, deixar pra trás você e essa ausência que me incomoda. Deixar de sentir essa inquietação que o fim de tarde me faz sentir. Eu quero ser feliz!

Mas não vejo a felicidade longe dos teus braços coloridos de rabiscos de lembranças e momentos eternizados em gravuras...



piscar de olhos

O tempo esta passando. Passando e eu não sinto o seu passar, mas quando dou por mim percebo que um grande intervalo de tempo se foi e uma minima porção de equilíbrio se instaurou. Sinto como se ontem tivesse sido a ultima tarde que passamos juntos e que todo esse mês que já se foi não aconteceu. Foi como te dizer tchau, ir trabalhar, dormir e acordar hoje... Nada mudou aqui dentro! Alias, se esse tempo todo que passou sem eu sentir serviu pra alguma coisa, foi justamente pra confirmar que esse sentimento é real, que esse gostar súbito e inesperado é talvez a maior das minhas verdades dos dias atuais.

Eu fecho os olhos e te vejo, eu respiro e te sinto, eu durmo - quando consigo - e é você que esta em meus sonhos. Senti o gosto da felicidade do teu lado e agora o amargo em minha boca me confirma todas as manhãs que você se foi. Tô de mãos atadas diante do que dizem ser mais uma luta que eu tenho que vencer ou ao menos sair ilesa, mas já é tarde...

Passo os dias imaginando como tudo pode…

...

Vazio, completamente nulo. Vago, vasto, oco e seco.
Se me vens hoje não me traga nenhuma rosa
Nem palavas, nem olhares
Me traga o elixir de teu amor e me respire;
encontre;
reviva;
absolva;
Somente hoje... só por hoje.
Permita-me!
Perdoa-me...
Retira a adaga envenenada de tuas lembranças
Anule os dias que se foram e recomece

Me olha, me o olha de novo
Me faz sorrir com teu jeito bobo
Me implante sonhos de um mundo novo

Intenso e veloz...
Cicatrizes invisíveis torturam
Silêncio, escuridão e lágrimas

Meu cometa gracioso, minha estrela cadente, meu...
Meu nome de rima
Meu segredo revelado, meus dias contados

um vazio tão cheio

E na tarde que o mar se acalmara o teu sopro provocou um tsunami

Foi como a primeira vez que toquei teus labios, inesperado e desejado. A tua voz me aqueceu no fim dessa tarde fria e ressuscitou a esperança que acreditei ter perdido. Mais uma vez você me desperta, me faz acreditar que ainda sinto... Eu volto pro passado e lembro das noites em que me via nos teus olhos, as vezes que riamos juntos de qualquer coisa, quando nossas brigas eram cheias bobagens e passar por momentos de adolescência tardia era o que nos mantinha vivos.

Mas hoje sonhar acordada é por pouco tempo, muita coisa mudou e agora esta na hora de sonhar dormindo.

e o menino cresceu

ganhou uma barba que dá trabalho porque tem que fazer quase todo dia começou a usar calças, sapatos e camisas que só gente grande usava mas manteve o estilo o skate e os patins viraram lembranças apesar de sempre conseguir tira-los da caixa e dar uma volta pra relembrar o trabalho ficou maior, o dinheiro se mostrou importante  e ele comprou, gastou e ganhou  foi aqui, ali e lá, lá bem longe falar outra língua  fazer os que ficaram sentir aquela invejnha boa que só amigos sabem sentir o video game, walkeman, agenda de telefones e câmera fotográfica se agruparam em um único aparelho  e ai ele encontrou o amor 
ah, o danado do amor!
esse sim fez ele crescer e nem foi na altura apesar de ele se sentir tão grande que as vezes pensa até que ao levantar os braços vai tocar com a ponta dos dedos a nuvem que olhava antes e brincava de dar formas
é ele ficou gigante, tão gigante que não coube mais na sua vida e foi ali dividir sua grandeza mas sua grandeza não se media mais em centímetros e sim e…

Nunca doeu tanto fazer o que é "certo".

Preciso revirar as caixas escondidas no maleiro do guarda-roupa, jogar no lixo aquelas fotos e papéis de dias cinzas e sem alegrias. Rasgar roupas que não me servem mais, resgatar cd's perdidos e ouvir gravações de uma época que sorrir era fácil.

Afinal, a gente tem que tentar, mesmo que isso faça mal... Deixar pra trás o que passou, se livrar de lembranças tristes mesmo tendo que lembrar pra esquecer. Virar a pagina e reescrever uma nova história.

Eu quero sentar na grama com um caixa de lembranças, chorar e sorrir até ela esvaziar e partir, seguir rumo a novos sonhos, novas conquistas e almejar um novo alguém. Pra dividir, somar e multiplicar, pra sorrir e se um dia for preciso chorar que sejam lagrimas de alegria, de cumplicidade, pois as que derrubo hoje são de dor de quem perdeu o que nunca teve...

Quero perder tantas outras noites de sonos, mas por pensar no que realmente pode dar certo, planejar um futuro que não me faça desejar que o amanhã nunca chegue.

Mudar, eu preciso!

daqui de cima não há nada para enxergar

Você me desafiou, você achou que eu estava apenas brincando, você pensou que eu era fraca, mas não, eu fui forte, muito mais forte do que eu podia imaginar, pois eu te disse não! Eu passei por cima do meu desejo, da minha vontade pra não te fazer errar. Eu fui além da tua melodia, eu respirei fundo e me mantive ali, sentada onde estava, te poupei do pecado mesmo sem crer no que você acreditar ser maior que todos.. "E com ou sem você" eu vou seguir, sabendo exatamente o que sinto, fazendo exatamente o que você acredita não ser certo. 
Porque eu sinto, não importa onde, não importa como, não importa se com fumaça colorida. Você chegou pra tomar o lugar de quem me fazia esquecer do mundo, chegou para ser a trilha sonora das minhas noites invertidas, para ser quem eu jamais esquecerei. Estando perto, estando longe, sendo o menino com fome de viver ou o que se entrega por caprichos, você é tudo aquilo que eu sempre procurei. Você é a paz que habita no momento da guerra!
Eu encontre…

Balas de canelas

Eu não aguento mais tentar expressar tudo isso que aqui dentro me corrói em meras palavras, sentar na frente dessa tela fria e incrivelmente fracassar. As palavras não são mais suficientes... deve ser por isso que tenho há tanto tempo tenho me afastado daqui. Parece que o que antes me era suficiente para esvaziar a mente agora não funciona mais. Tenho saudade da época em que me bastava abrir um mero bloco de notas e como um passe de mágica libertava tudo o que me incomodava e no final, assim que eu lia o que havia escrito, tudo por lá ficava, fosse a tristeza por um amor não correspondido, a incerteza de um novo alguém, a ansiedade por um novo dia, a dúvida de uma escolha, não sei como, mas cada vez que escrevia me sentia mais leve, limpa, aliviada.

Hoje o que escrevo já não leio e o que leio não mais me toca. Não perdi a inspiração pra poemas, nem deixei de ter sonhos bons para narrar, mas de alguma forma o que sempre me moveu a escrever foram dores e negatividade, pois as boas coisa…

Distancia

Eu sinto que tenho mais necessidades do que antes e sinta ainda que todas elas são tão maiores e mais vitais que já foram em qualquer outra época da minha vida. Eu tenho cada vez mais a certeza que me falta algo que estou sempre muito perto de conseguir, mas que por importuno, por desleixo, pelo acaso deixo que fuja... É como se me faltasse apenas esticar um pouco mais o braço para alcança-lo, mas de alguma forma ou por alguma razão eu não consigo se quer senti-lo com as pontas de meus dedos.

Já se passou tanto tempo da última vez que cheguei aqui, que me deixei soltar por palavras o que em determinado momento acreditava estar sentindo e sempre que volto releio, penso e chego a conclusão de que estando longe ou estando perto eu nunca sei onde realmente estou!

Só me resta o saber que preciso, que necessito, que almejo o que por inúmeras vezes se faz inalcançável ou o que por inúmeras vezes eu me perco ao tentar biscar.

Estou distante de qualquer certeza que me traga clareza das certezas…