Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2009

Manutenção!!!

Olá leitores, amigos e visitantes desse blog.

Durante as próximas duas semanas, acredito eu, o blog ficará sem atualizações devido a alterações de layout e outras coisinhas.

Voltarei com o blog reformulado e finalizado em breve, por enquanto fiquem com os antigos post aqui registrados.

Até breve

Angélica R.

Desejo

Eu queria
de maneira subta, absoluta
arrancar de mim
lembranças
tudo...
tudo aquilo
que dei o nome de amor

Não foi em vão
tampouco frustrado
mas em mim ficou
o sabor amargo
e o vicio da solidão

essas noites regadas a voz e violão
sorrisos e "zumzumzum"...

recomeço e nova vida

palavras soltas, libertas...

versos, estrofes, rimas e melodias
sem regras, sem diagramação


vou ali, alias... fui

Quanto tempo sem postar...

Retirei todo conteúdo de Clarisse do blog por conta de direitos autorais e negociações de um possível lançamento do livro pra fevereiro do ano que vem. Para minha surpresa teve gente que se interessou demais na estórinha da Clarisse... mas isso é assunto muito sério e por enquanto é melhor deixar como esta, assim que tiver noticias mais concretas posto aqui avisando a todos.

Também deixei de postar aqui todo esse tempo por conta da mudança de hábitos e horários, creio que agora, depois de todo furacão que passou por aqui, terei mais tempo livre para me dedicar a esse blog e também estou em parceria com algumas pessoas em um novo blog que esta sendo construído com intuito informativo cultural, shows, teatro, música, literatura, etc.

Reformulações na agenda, na vida, na alma, em tudo!

Semana passada toquei no Cambridge e, pelo o que me contaram foi muito legal, eu não me lembro de muita coisa, só me lembro de ter passado mal o sábado inteiro...

Segunda foi dia de ficar com minha princesinha…

Água, muita água...

E a integrante confusão do olfato em sentir cheiro de fantasia misturado com cravo.

Certamente será esse mais um daqueles post que nem eu mesma consigo entender porque ou como o escrevi.

Eu devo sofrer de um sério problema ao encontrar a felicidade, alguma coisa deve me dar de muito ruim cada vez que estou próxima a ela porque não é possível eu sempre "bater na trave" quando quase tocando ela com as pontas dos dedos, quando já consigo sentir o calor que ela traz, quando o coração bate com alegria...

Toda vez que estou a ponto de me encontrar com a tal da felicidade ela me foge, mas por minha culpa. Sou eu que a recuso, sou eu quem a manda embora, sou eu que a assusto.

É sempre assim: minha rotina volta ao normal, eu não faço tantas ligações, eu não me pego sorrindo mais a toa, eu não tenho mais o que queira (achava) ter. Acredito que já não sei mais exatamente o que significa felicidade para mim ou mesmo quando eu me sinta feliz de verdade eu procuro algo maior que tudo aquilo.

F…

Sentimentos Emprestados

Por: Angélica R.
Inspirada em: Marcus Becker

"Devolvi todos... os que a mim não pertenciam, os que não me fizeram bem, até mesmo os que um dia me fizeram sorrir. Me inspirei nessa tarde ensolarada, meu inverno esta indo embora...e já leio até outras poesias"

foi quando de ti os "tomei",
e tudo então se fez em vão
meus dias já não mais me pertenciam
meus amores já não mais sobreviviam

foi quando os meus eram imprestáveis,
e não mais sentia vida em minhas veias
e não mais queria o sabor de outras línguas
e somente a ti eu pertencia

foi quando dos seus eu precisei
e me jogou toda maldade
me cruxificou sem piedade
deu de ombros minha necessidade

foi quando o mundo eu recusei
e não havia outra saída
a não ser chorar o fim dos dias
...fortaleci.

Devolvi todos...
e meu inverno esta indo embora
escrevo então novas poesias,
faço do recomeço uma nova vida.

Quem eu chamo de "meu"

Meu, apenas meu...

Não divido, não troco, não empresto!

Sabe aquela coisa do conto de fada, do príncipe encantado, do cavalo branco?

Existe! E eu encontrei o meu, mesma nunca acreditando nessas coisas, encontrei a perfeição, o romantismo, o ombro amigo, as madrugadas quentes... Ele sempre esteve perto, mas ele sempre seria a pessoa certa na hora errada se fosse antes, mas a hora certa chegou e me trouxe ele, assim como quem monta em um cavalo branco e sai por aí cavalgando a procura de sua princesa ele bateu em minha porta, e eu a abri sem medos, me apaixonei e estou vivendo a cada dia com mais saudades, mais desejos, mais vontades, mais ternuras, mais lembranças dele...

Ele, que eu chamo de meu
Eu, que ele chama de minha
Nós, que somos nossos
Eles, que já não existem mais

Foi preciso um beijo, um dia e um desejo para que tudo que sonhei um dia se tornasse realidade...

Ele é do tipo que manda mensagem
Eu do tipo que sinto saudade
Ele é do tipo perfeição
Eu do tipo que quer atenção

Ele é quem eu q…

Um certo alguém para amar

Eu fumo, bebo,
não tenho hora pra voltar...
eu caminho, corro,
nunca sei onde vou chegar
eu desejo, esqueço, fortaleço,
sem nem saber o que vou ganhar
mas eu luto e procuro
um certo alguém para amar

Eu jogo e sou jogada
eu odeio e sou odiada
eu brinco de esquecer
mas as vezes penso em morrer
eu sinto saudades das minhas certezas
guardo todas minhas tristezas
haverá o dia em que encontrarei
o tal do amor perfeito que idealizei

Ele deve ser diferente, insano
fazer nas noites eu perder o sono
fazer carinho e me proteger
ser alguém impossível de esquecer
me trazer chocolates sem motivos
ser muito mais que um simples amigo
cuidar dos meus, me respeitar
ser um certo alguém para amar









Tudo é possível, é só você querer...

"E eu quis o tempo todo enquanto estivemos perto..."

*lembrete pra dona Japa: FINALIZAR DE UMA VEZ POR TODAS O SEXTO CAPITULO DE CLARISSE

Também devo me lembrar de atualizar o blog com mais frequência, mas me falta coragem, tempo, paciência e outras "coisitas".

Comprei um porta retrato assassino, ele cortou meu dedo, e tá doendo ainda, e nem é manha, não, senhor André, tó doendo mesmo essa "joça". Tirando a parte da qsedecapitação do meu dedo (exagero, foi um pequeno corte, mas bem na região da cutícula que além de doer muito sangra que é uma beleza :S) o porta retrato é até que legal e ficou lindo com uma foto minha e do Guma, meu eterno irmão, amigo, companheiro, super herói, confidente, etc. e agora posso ver o sorrisão dele sempre que eu quiser :)

To ouvindo Normalayze nesse momento, a musica Te encontrei, alias tenho ouvido muito essa banda durante toda a semana, além é claro de estar trabalhando bastante, dormindo pouco e me divertindo horrores...

"…

Mudanças

Passamos, olhamos, reparamos
voltamos, sonhamos, esperamos...
Queremos, desejamos, fracassamos
Lutamos, levamos, vencemos...

Um certo dia escreveram que no final tudo acaba bem, e que se ainda não está é porque ainda não chegou ao final.
Sábias palavras...

Meu "final" chegou, chegou devagar e se instalou, demorei para perceber isso, mas nos últimos dias me olhando no espelho pude perceber o quão feliz eu estava, o quão feliz eu ainda posso ser, quão querido são meus amigos, quão gostosas são as noites frias, os dias quentes, os sorvetes de fim de tarde, as cervejas na mesa...

Depois de tanto tempo longe de mim mesma me sinto completamente minha, egoísta, prepotente e arrogante, mas apenas para aqueles que se acham melhores do que eu e insistem em tentar me derrubar. Cresci nos últimos tempos construindo uma fortaleza em meu redor, de bons amigos e bons fluidos, não sou ainda invencível e jamais serei imortal ou sem sentimentos, mas sei hoje que estou protegida, que tenho por mim e …

Porque lá não trazia lembranças...

e mesmo estando ali com quem eu também posso brincar de esquecer o mundo, eu não sei como pensava em você e me mantive estável, me mantive serena, me mantive "sua"... Eu usei de entorpecente para aditivar os alucinogénos e fazer valer cada palavra tua, até mesmo minhas respostas por impulso também foram verdadeiras. Mas não é isso que faz com que eu deixe de ser quem eu sou, como sou... Eu consigo ter o que mês faz bem, o que me sorri e cuida o tempo todo sendo simplesmente o que eu gosto de ser. É exatamente isso que faz me importar e respeitar tudo aquilo que ao que parece ira transformar em uma história que será no mínimo importante em se lembrar.

Ao que vejo agora tudo me encoraja a querer tentar mais uma vez, a correr o risco de novamente fracassar, a poder desejar e sentir a felicidade.

Eu finalmente me libertei do passado, mesmo não criando esperanças para o um possível futuro perfeito, eu hoje posso ao menos pensar no presente.

mas eu não vou deixar, eu não vou deixar

"Quando você não esperar vai doer e eu sei como vai doer e vai passar como passou por mim e fazer com que se sinta assim, como eu sinto. Como eu vejo, como eu vivo, como eu não canso de tentar, eu sei que vai ouvir, eu sei que vai lembrar, vai rezar pra esquecer, vai pedir pra esquecer, mas eu não vou deixar, eu não vou deixar"

é, vamos falar de solidão...

"Daquela que chega feito uma avalanche e destrói tudo o que esta pela frente, devasta tudo, avança com velocidade e quando se dá por si cai em meio aos escombros do que sobrou...

Olha ao redor e o que vê? Nada, absolutamente nada! Os dias se tornam frios e cinzentos, o coração gélido não trabalha mais, as pernas bambas que não te sustentam mais, os olhos não se abrem mais, o ar fica pesado e seus pulmões explodem, você se fragmenta e se transforma em poeira fina, se espalha pelo ar e tudo o que você ainda consegue ser é uma pequena partícula solta no ar, invisível a olho nú, sendo carregada pelo vento..."


Estendeu-me…

Os meus "querer"

Eu quero mais tardes de aconchego, madrugadas de literatura, borboletas no estômago.

Eu quero mais notas musicais, quero as mais belas sinfonias, quero orquestras e corais.

Eu quero beijos inesperados, abraços apertados, proteção e todo afago.

Eu quero mais que um simples homem, quero ter um super herói...

Eu quero cuidados especiais, voltar a ser criança, crescer de novo, me renovar.

Não me basta ter uma simples paixão, eu preciso mesmo é estar amando, enlouquecida, enfurecida, desejar por todos os dias, ter por todos os momentos, borbulhar de saudades...

Quero estrofes fragmentadas, versos livres se completando, histórias novas se formando.

Políticas no Colchão

Por Marcus Becker

Cala a boca e me beija homem
Sua filosofia não me convence,
sua ideologia já me ganhou.
É golpe de estado
a guerra da Alemanha nunca ganhou.

Não me venha falar, nem de Che,
nem de Pinoche.
Não trago mais nenhum homem para minha cama.

Seu voto foi negado,
no meu corpo, democracia não é opção.
Socialismo não tem vez,
sou mais favorável ao império inglês.

Diga sim ou não,
para que eu te torture com meus beijos,
e monopolize a paixão.

--------------------------------------------------------------------

Comemoração pra lá de extravagante dos meus 25 anos...

To muito doente, indo pro hospital agora, mas não poderia deixar de publicar um dos melhores presentes que já ganhei em toda minha vida =)

Melhoras pra mim, assim que ficar melhor publico as fotos e tudo mais!

Sentimentos emprestados

"devolvi todos... os que tomei para mim
os que não me fizeram bem
até mesmo os que um dia me fizeram sorrir
Me inspirei nessa tarde ensolarada
meu inverno esta indo embora
e já leio até outras poesias"

Há quem possa tocar n'alma e despertar novamente o amor...
Há quem chegue em novos dias e lhe faça sorrir
Há quem traga as mais lindas rosas de um jardim
Há quem veja em doces olhos a pureza de um sonhador

Deve ser mais uma de minhas "crises" ou talvez nem seja, pode até mesmo ser o que eu também não entendo nem nunca vou entender... e certamente não preciso.

Uma certa ansiedade, daquelas de adolescente, predomina essas ultimas horas, e racionalizando a situação não consigo saber o que devo falar, como devo agir... Não sei o porque nem por onde, sei apenas que que todas minhas respostas fugiram, todos meus atos paralisaram.

Sinto que um sonho vai se realizar =)

Falta pouco pra completar mais um ano de vida...

Tantos foram os amores verdadeiros, tantas foram as promessas de s…

Mudando de assunto

Finalmente fechei a programação da comemoração do meu aniversário!!!

Rulio Salinas(produtor Hori e 35 Mls) com set 90's, Marcelo Kpeta(Encarnation, Das Projekt, Deepeland) especial siters, e euzinha...

Pelo segundo ano estarei comemorando no Vitrola Rock Bar, minha segunda casa, e esse ano vai ter bexiga, língua de sogra, chapéuzinho e claro, os melhores amigos do mundo me ajudando a apagar as 25 velinhas... tô ficando velha.

Nunca botei muita fé nesse lance de "inferno astral" mas é fato que ele existe e esse ano to sentindo na pele, por isso os posts confusos...

Mas dia 26 tudo isso acaba!

Estou finalizando o flyer e hj a noite já mando pra todo mundo

BirthdayPartyDjJapa
25/07/09 - 23hrs

Open bar das 23h as 3h00
(itaipava lata, menta, vinho, vodka, batidas, conhaque, caipirinha, catuaba, espanhola, agua, refrigerante e mais 13 tipos de drinks)

SetDj's 80's, 90's, alternative

Dj's: Angélica Japa
Marcelo Kpeta (Deepland)
Rulio Salinas

Especiais SisrtesofMercy, DepecheM…

O mundo gira e as fases da vida impões as suas leis

Braga, querido leitor, ou mero visitante do acaso, muito obrigada pelas palavras...

É tô toda "vockiana" mesmo, idaí?

"é justamente nessa hora que todo ateu apela para os Deuses e diz: Senhor, usa de seu poder e faz esse individuo desaparecer daqui" - By Tiago

Essa frase foi usada pelo Tiago no final de mais uma das minhas confissões que fiz a ele , mas o assunto e momento me fez rir e agora ela acaba me fazendo outro sentido, alias me fazendo todo sentido.

Sei lá, eu devo e sei que estou sendo injusta, mas como eu queria não ter conhecido um "certo alguém", que é tão perfeito, que é tão verdadeiro, que me diz tanto e me coloca em "parafuso"...

"eu vivo sozinho e abandonado, não tenho ninguém aqui do meu lado
(...)
vou me entorpecer bebendo vinho, eu sigo só o meu caminho"

Tava (?) tudo tão perfeito (aceitável)... eu já conseguia até mesmo usar outros corpos pra suprir minhas necessidade, e derrepente me vem esse "certo alguém" cheio…

Paixões vencidas

"faz de conta fabricado"

Por dias e noites almejei um "certo alguém" sonhando ser ele tudo aquilo que um dia acreditei ser o certo, o justo, o aceitável, o necessário... De tanto buscar e acreditar, o impossível se fez possível e encontrei o "tal" do príncipe encantado, alguém quase perfeito, cheio de vida e sonhos, fiel, companheiro, carinhoso, amigo, bonito, sensível... Entreguei-me sem pensar, estava ali tudo aquilo que senti falta em um outro amor.

Me importei, me dediquei, me reinventei afim de ser alguém pra que pudesse se orgulhar, corri por outros mundos, sonhei outros sonhos recebi carinhos e suporte, colos e novas histórias...

Ganhei um lindo "cavalo branco" e tive os mais belos horizontes para observar durante os fins de tardes ensolaradas, diminui o meu ritmo, encontrei a paz de espírito e pensei então que escreveria "e viveram felizes para sempre".

Mas paixões se vencem e contos fabricados não duram para sempre. Não existem fa…

Cada vez mais

"Sem olhar para trás eu vou viver cada vez, errar me fez cada vez mais querer chegar além..."

Semanas corridas e a vida pedindo respostas cada vez mais rápidas, cobranças de um futuro bom e longas tardes de inverno a minha espera. Novos e doces olhos, esperança e finalmente e o despertar para o recomeço, dada a oportunidade de mais uma vez poder viver e se entregar ao desconhecido. Esquecidas velhas histórias e presente um novo "conto", Clarisse finalmente descansa em paz, não mais as lágrimas de tua partida.

Calor que aquece a alma nos dias gelados, troca de olhares inocentes que já não esperam nada além de nada, medo e curiosidade, espiar pelo buraco da fechadura, comer algodão doce, aprender novos "dialetos", e aos poucos sentir que se encontrou uma nova direção. Mudanças lentas e resultados inesperáveis, o desconhecido tornando-se nítido e a felicidade retomando passo a passo o caminho de volta para casa.

Banho quente em dia frio, banho frio em dia quent…

Piajama de tirar ou pijama de dormir...

Escolha o seu e bóra pra esbórnia

Não sou mais o mesmo...

"e nem quero ser"

Ao som de Deluxe Trio

Cheguei cedo hj em casa... e amanhã eu saio e não chego "nunca mais".

Fazia tanto tempo que não ouvia Deluxe, mais uma das bandas que disseram "adeus" pra cena e ninguém nunca mais vai poder ver um show ao vivo... Deluxe me lembra Falante, não por estilo, mas pela época que ganhei o cd e o quanto eu ouvia a música Meu mundo, faixa 3 do cd Mais pimenta, menos sal. É do titulo desse cd que vem a "inspiração"do meu about"um pouco disso, um tanto daquilo tudo com muita, mais muita pimenta..." Dá ate saudade...

Tenho passado horas do meu dia ouvindo musicas, boas e ruins, e fico "viajando" me lembrando ou imaginando algumas cenas... Talvez por isso tenho ficado um tanto quanto nostálgica e cheia de esperança nos últimos dias, e por mais incrível que pareça tenho atraído para perto de mim tudo aquilo que gostaria de ter, consegui dar a tão sonhada paz para o meu coraçãozinho que há tempos estava …

Perdi meu ar, mas não encontrei...

"Eu não quis mudar, pra você não ver que eu fraquejei"

E das cinzas eu renascerei...

O problema todo esta nas cinzas que o vento leva até que eu renasça, um pouco de mim sempre se perde pelo horizonte cada vez que me desfaço e me refaço. Eu quero apenas poder ser eu... Mas que sou eu?

Crise existencial modeon!

Em minha mente um "oceano de palavras", lembranças e decisões pra se tomar... O certo, o incerto, o justo e a perdição dos meus dias.

Por que não posso acordar cedo, trabalhar o dia todo, chegar em casa, estar cansada e simplesmente conseguir dormir... por que essa insonia constante?

Eu não sei mais o que quero ser, se largo um sonho por uma vida ou troco uma vida por um sonho...

Não sei mais sonhar com o impossível
Esperanças perdidas nas eternas noites
Sentimentos levados pelo acaso
Fábula encerrada sem final feliz

Não mais amor no coração cinza
Não mais vida em veias secas
Não mais sorrisos na face fria
Não mais você nos meus dias

Sinto falta de "ser" Clarisse
M…

Descanse em paz

Sensações incompreendidas
ausência em mim de você
antes fora tão necessário
hoje o descaso se faz presente

Em minhas mãos a tua fúria
em meu olhar o nosso adeus
mais uma vez decepção
maus presságios em teu redor

Tua voz que clama falsas chagas
não atingem mais meu coração partido
reconstruído a cada dia
sigo apenas meu destino

O mesmo que acreditei ser para sempre
não desapareceu em mim
mas já não me causa emoção alguma
morto e enterrado

Só não há o porquê da insistencia
me levar todo tempo para teu mundo
em palavras de ferro e fogo
tão mais simples aceitar o fim

Cuspiria em tua cova depois de chorar tua morte...

Madrugada Fria

São mais algumas palavras me incomodando os pensamentos essa noite que promete não ser a mais bela das noites, mesmo tendo todo um clima propício para ser.

Eu sou tão cheia de duvidas em relação as minhas atitudes e as coisas que penso que quando alguém vem e aponta isso fico mais confusa ainda em não conseguir saber exatamente o que eu quero para meus dias e minha vida. É difícil saber de verdade quem queremos e como queremos ser, as vezes me acho direta demais, expontanea demais, falante demais, dura demais, e sinto falta de mostrar minha fragilidade e sensibilidade com relação aos fatos da vida, mas não sei como nem porque eu não consigo ser a menina doce com palavras de ternura e olhar de piedade.

Acho que vesti uma armadura permanente que me fez ser assim, muitas vezes rude, mas com o coração saltando pela boca, abrigando cada um que se aproxima dele e me sentindo sufocada o tempo todo por não saber ser simplesmente um alguém "comum" cheia de frases e teorias prontas...

M…

"Silêncio em mim"

Ouvindo Violeta de Outono...

"Silêncio em mim
Espelhos planos
Saídas falsas, vôo, solidão
Só esperando
Vagando em seu olhar
Tudo é deserto, estranho lugar"

Faz tempo que não atualizo o blog, faz tempo que não atualizo nada de virtual...

Fui curtir um show do Violeta na última quarta com direito a companhia agradável, cervejinhas, e muitos mimos :) A noite rendeu boas histórias pra contar, mas que ficarão pra sempre escondidinhas guardadas em mim.

Muito frio e a vida seguindo um rumo delicioso. Sabe, acredito que finalmente segui os conselhos certos e decididamente consegui enterrar algumas coisas do passado, não ignorei as lembranças e as tenho guardadas com muito carinho em algum lugar ainda dentro de mim, talvez em um "cemitério de desilusões"...

Porque afinal, a vida, a vida insiste em existir :)

E estamos aqui, dispostos e fervorosos a fazer de um tudo para que esse recomeço seja construído em sólidos alicerces. São promessas de novos dias e uma impactuante sensação …

Pensamentos meus, palavras de outros

Como eu queria ter escrito isso... é brega, mas é foda demais!

Outra Vez - Roberto Carlos

Você foi o maior dos meus casos
De todos os abraços o que eu nunca esqueci
Você foi dos amores que eu tive
O mais complicado e o mais simples pra mim.
Você foi o melhor dos meus erros
A mais estranha história que alguém já escreveu
E é por essas e outras que a minha saudade
Faz lembrar de tudo outra vez.
Você foi a mentira sincera
Brincadeira mais séria que me aconteceu
Você foi o caso mais antigo
O amor mais amigo que me apareceu
Das lembranças que eu trago na vida
Você é a saudade que eu gosto de ter
Só assim sinto você bem perto de mim outra vez.
Esqueci de tentar te esquecer
Resolvi te querer por querer
Decidi te lembrar quantas vezes eu tenha vontade
Sem nada perder.
Você foi toda a felicidade
Você foi a maldade que só me fez bem
Você foi o melhor dos meus planos
E o pior dos enganos que eu pude fazer
Das lembranças que eu trago na vida
Você é a saudade que eu gosto de ter
Só assim sinto voc…

Restauração

Foi o tempo que se fechou e uma nuvem negra chorou sobre minha cabeça, quis levar com elas teus dizeres... levei horas deixando que o ar quente recuperasse e restaurasse tuas palavras. Ate mesmo as marcações em lápis tive cuidado em mante-las, mesmo quando a capa caiu junto com meus primeiros soluços não podia deixar aquilo se perder, queria nesta hora ter tido coragem de simplesmente ter deixado tua história virar pasta de papel reciclado, uma massa incompreeendida, sem sentido e me desfeito de uma vez por todas essa ligação que só existe em mim. Fizreleitura de cada estrofe e feito a chuva anterior molhei teus dizeres com minhas lágrimas, senti saudades e revivi cada momento teu, senti como se estivesse vivendo cada uma das tuas frases, como se fosse eu o homem apaixonado, sofrendo e desesperado, me apeguei em teu vicio, conheci Bianca, viajei em teus contos, comi os vermes das tuas tentativas de suicídio. Cortei meus pulsos com as navalhas da tua solidão, eu fui você, eu fui tua al…

Vamos, vamos, vamos!!!

O que eu também não entendo

"Amar não é ter que ter sempre certeza é aceitar que ninguém é perfeito pra ninguém..."

Hoje eu acordei me lembrando de absolutamente tudo o que tem acontecido nesses últimos tempo, a necessidade vital de afastar daquilo que por mais que eu amei só me causou magoas e constrangimento, a reaproximação de um alguém que já me fez sonhar com dias mais bonitos, uma estranha "paz de espírito" que chega até a me incomodar pela falta de costume, e um certo sentimento de esperança que vem chegando bem devagarzinho, sorrateiro, trazendo de volta aquele calorzinho que sentimos no peito quando estamos apaixonados...

Eu já havia desistido dessa ideia, achei que tivesse sido mais uma forma de eu fugir de uma certa realidade, e talvez tenha sido isso mesmo, pois naquele momento era.

E agora tudo parece ser natural e espontâneo, um cuidado extremo e uma timidez inenarrável, mas que tem sido a dose certa pra que tudo aconteça como deve acontecer, afinal quando a gente realmente quer al…

Momento eterno imutável...

"Sobras raras de emoção, horas vagas sem vida, gotas fluem sem direção desde a sua partida, não consigo entender, porque tem que ser assim? Não vá, sua ausência me seca." - Rancore M.E.I

O que seria de mim sem você?

Dona dos meus melhores dias, dos meus melhores sonhos, das minhas melhores lembranças, e de todas as minhas razões... Única e exclusiva, feita sob encomenda, na medida exata que eu precisava, minha e de mais ninguém.

O amor mais puro, mais inocente, mais sincero, mais bem vindo. O amor mais "maior de grande", e nada nem ninguém consegue mudar, mesmo que tente, mesmo que queira, mesmo que blasfeme.

Meu "pedacinho", meu começo, meio e fim, meu tudo, minha força... simplesmente a minha vida.
Dando os últimos suspiros de um fds que começou quinta passada e só acaba hoje. Baladinhas, reuniões, estudio, "gps", shows, discotecagens...

Preciso de mais tempo, coisa de 30 horas por dia, acho q dentro desse tempo faria tudo o que se tem pra fazer.

Ontem joguei algumas coisas pro ar a noite e me deitei sem compromisso em dormir (já que nunca durmo mesmo), em pensar, em trabalhar, simplesmente me deitei e deixei que o nada invadisse tudo e qualquer espaço existente na minha mente e na minha alma... acabei por fazer que o vazio ganhasse novas formas e um sonho desse que sonhamos acordado veio em minha mente.

A tanto tempo que venho fazendo planos, a tanto tempo com o foco perdido... mas ontem, depois de ouvir pela 30ª vez aproximadamente a mesma frase a esperança se renovou, e foi com essa esperança renovada que eu decidi esvaziar a mente. O resultado de tudo isso foi mais uma noite em claro e a certeza absoluta que muitas outras virão, todas elas cheias de alegrias!

Nota Rápida e um PS.:

O mais legal de tudo é saber que incomodo, que perdem tempo com a minha vida, e vez ou outra tentando me atacar escondendo a cara... Faço minhas as palavras de um gerente de um conhecido "Eu não to aqui pra facilitar a vida de ninguém"

E viva a inveja dos que precisam de um papel escrito o que são \o/.

Ps.: Pára com essa perda de tempo, não se iguala não, deixa só eu ser eu e seja só você. Simples assim.

Penseira

São qse três da manhã e ao que tudo indica esse post vai passar das três facil...

Não queria beber hoje, mas depois de tudo que aconteceu e as previsões do que está para acontecer decidi abrir uma latinha.

Eu queria ter uma penseiraigualzinha essa aí...

Hoje enquanto estava no estúdio com meu "parceiro" predileto de leitura, o Douglas, que no momento esta lendo Crepúsculo, começamos a falar do bruxinho mais querido dos jovens e de alguns nem tão jovens como eu e ele, Harry Potter, relembramos as "passagens" do bruxinho e os fatos marcantes da estória do mesmo, sem qualquer pretensão um assunto puxando outro ficamos falando MUITO sobre livros que viram filmes e afins.

Bom, relatei isso aqui apenas para provar futuramente a mim mesma o quão é real esse lance de força de pensamento, falamos sobre Harry Potter, e aos que não o conhecem o Dumbledore, diretor da escola onde o bruxinho estudo tem uma penseira, é uma espécie de bacia onde ele "joga" os pensamentos d…

Teorias insanas... corrupção de pensamentos

Mais uma noite
Pensando agora que poderia dormir
Os sonhos são sempre os mesmo
E a realidade nunca tarda a aparecer

Sentimentos confusos e salpicados
Certeza de hoje, sonhos do amanhã
Nada além que meras fantasias
As mesmas imagens, os mesmos dias

Lembranças de quem um dia me deu o mundo
"Quão louco é preciso estar"
"Desfibrila" pobre músculo involuntário
"Palavras, não são só palavras"

Presença do incomum e inesperável
Tão mais perto que aceitável
Rima tola por embriagues
Depressão duvidosa e constante

Como, quando, onde, por quê? Complexas linhas de raciocínio atropelando alucinações que por hora faziam a árdua realidade dos fatos se desfazerem em singelos sorrisos. Baixa de inspiração, ou confusão demais em descrever esse momento, ao vivo e a cores, cores em tons pasteis colorindo a paisagem imaginária... Outro gole, outro porquê, parecia tão simples suprir essa ausência de mim mesma, hoje castiga e expressa em linhas faciais não só sofrimento em mim, mas também em qu…

Abuso racional

Levantei bem mais cedo que normal hoje, talvez pelo fato de ter tomado um "murro na nuca" a noite ontem e dormido feito um bebê assim que cheguei em casa.

Acordei, porém não quis me levantar, me dei ao luxo de ficar pairando em pensamentos, fazendo planos e me condenando por ter perdido tanto tempo acreditando em falsos discursos que aclamam por aí.

Chega ser, além de perda de tempo, uma tremenda falsidade e abuso de inteligência, alguém tentar em vão estufar o peito pra clamar um discurso vencido e imoral que só vem a por em duvida cada vez mais a credibilidade de suas palavras. Fico pensando e tentando entender o porque se perde tanto tempo tentando inutilmente ferir a moral de alguém com outras pessoas que estão pra lá de cansadas em ouvir a mesma "ladainha" de sempre... "ela é isso, ela é aquilo, cuidado com isso, porque quer seu mal e blábláblá".

Tanta inutilidade... No lugar de pensarem em como vão mostrar realidade nos fatos ditos, ficam o tempo todo …

Quando o Adeus é para sempre

A consequência...

Ação e reação, nascemos e morremos, talvez cedo, talvez tarde, não cabe a nós o julgamento.... simplesmente por consequência.

Tristeza e depressão, lágrimas incontroláveis, assim se sente quando o adeus é para sempre.

Nos apegamos e quando menos esperamos esse apego só faz sofrer, são dias cinzas, dor no peito, e uma saudade sem fim.

É complicado falar sobre a morte, entende-la ou confortar os que ficam quando ela leva um alguém.

Ficam os sonhos que não se realizaram, a sensação de que podia ter feito algo mais...

Assim se passam longos dias que parecem ser eternos, até que nos acostumamos que já não respiramos o mesmo ar, que são apenas boas (ou más) lembranças que ainda existem, e cultivamos essas recordações para manter "vivo" quem amamos e diz Adeus para sempre.

Resta apenas acreditar que agora descança em paz... Melhor assim, aceitamos e continuamor.

Força aos que sentem falta, é triste mas necessário. Não senti nem posso dizer como se sentem, mas sei bem o qu…